04/10/2017 às 16h16 - Atualizado em 04/10/2017 às 18h03

Fiat agora é TREVISO

“O grupo Treviso tem como principal objetivo recuperar a participação da marca FIAT na região”.

Treviso é o nome de uma província e de uma comunidade da região italiana do Vêneto, com uma cidade irmã no Sul de Santa Catariana. Para Tijucas Treviso significa o novo nome da concessionária FIAT que atende o Vale, Costa Esmeralda e a região de Brusque. Inaugurada na noite desta quarta-feira (27), a Treviso tem como diretor Cleber Daniel Moiséis, filho do casal Sônia e Maneca, donos da Manecar Veículos e sócios da mais nova concessionária da região, o qual nos prestou as seguintes informações:

Razão: Como se deu a transformação da FIAT em Treviso?
Cleber: Costumo dizer que as oportunidades surgem justamente nos momentos mais difíceis. Todos sabem que estamos passando por um momento muito delicado no cenário político brasileiro, porém necessário, para que a sociedade de forma geral possa resgatar alguns valores que foram sendo perdidos ao longo do tempo. É inevitável que este momento de transição e limpeza acabe refletindo em outras áreas. Contudo, o Grupo Treviso acredita que a recuperação do mercado brasileiro já está acontecendo, prova disso é o investimento nesse novo projeto: a aquisição das unidades da FIAT de Tijucas e Brusque. Essa postura mostra a confiança que temos no segmento de automóveis dentro desta região operacional, onde já atuamos há mais de 28 anos, conhecendo muito bem o seu potencial. Para isso apostamos em nosso modelo de gestão e na marca FIAT (líder de vendas no Brasil por mais de uma década consecutiva) para ampliarmos nossos negócios.

Razão: A concessionária FIAT de Tijucas esta desvinculada de Brusque?
Cleber: Como dito anteriormente, ambas fazem parte da mesma área operacional. Nesse sentido, estão sim vinculadas, inclusive possuem a mesma composição societária.

Razão: Quem são os novos proprietários da FIAT Treviso?
Cleber: Manoel Amadeu Moiséis (Maneca da Manecar), Alexandre Buosi Monteiro e grupo Uvel Unisul.

Razão: A FIAT Treviso traz alguma mudança drástica em sua administração?
Cleber: O grupo Treviso tem como principal objetivo recuperar a participação da marca FIAT na região. Para isso contamos com grande experiência no mercado de automóveis e temos a excelência no atendimento como característica marcante em nosso DNA. Quando assumimos as duas unidades, de Tijucas e Brusque, muitas foram as mudanças realizadas em relação a administração anterior, principalmente no que diz respeito a implantação dos processos de excelência em atendimento.

Razão: Como fica o portfólio de veículos da Treviso?
Cleber: O grupo Treviso será uma concessionária plena, com todas operações homologadas pela montadora. Além de toda linha FIAT 0km, montamos uma oficina multimarcas toda nova, com serviço completo de pós venda, onde serão realizados revisões, serviços de balanceamento, geometria e instalações de acessórios. Teremos ainda outras unidades de negócio que darão suporte a nossas vendas, como serviço de despachante, financiamentos e seguros. Como alternativa, para atender os clientes do Grupo Treviso com mais flexibilidade, conseguiremos vender também veículos 0km de outras marcas, nacionais e importados, basta nos consultar que iremos atender com o melhor preço e com o padrão de excelência que estamos habituados. Se precisarem de seminovos, teremos acesso ao estoque de todo o grupo, ou seja, centenas de veículos inspecionados de diferentes marcas e modelos.

Razão: Alguma promoção especial para o início das atividades oficiais da Treviso?
Cleber: A estratégia do grupo para penetrar no mercado é não perder negócio, garantir o melhor preço e a melhor avaliação do usado. Além disso, com a ampliação do portfólio de produtos, vendendo veículos de todas as marcas, o cliente poderá ser atendido na hora com o modelo de sua preferência, independente da montadora. Paralelamente a isso, a FIAT sempre foi muito forte em vendas diretas, ou seja, faturamento direto de fábrica com isenção de impostos. Importante destacar os programas: Frotista, CNPJ, Produtor Rural, Taxista, PCD (portadores de deficiência ou enfermidade de caráter irreversível), Locadoras e Programa mais alimentos.
Além dessas condições super especiais, temos campanhas mensais com bonificações em vários modelos, juntamente com taxas especiais para financiamento.

Razão: Como estão atualmente as taxas de juros para veículos novos da FIAT?
Cleber: Com relação a taxas de juros, contamos com o suporte do Banco FIAT, que nos proporcionam campanhas mensais com taxas especiais, dependendo do modelo e percentual de entrada, que giram entorno de 0% a 0,99% ao mês. Contamos também com outros bancos que atuam no mercado, tendo no segmento de concessionária as melhores taxas.

Razão: Como funciona a venda através de consórcio?
Cleber: Considero consórcio uma ótima opção de compra. Essa modalidade deve ser vista como uma compra programada, na qual não incide juros. Sem dúvida é a forma mais econômica para se adquirir um veículo quando não se dispõe de um valor de entrada. As taxas giram em torno de 0,21% e 0,37% ao mês, dependendo do prazo e do valor do crédito. Temos créditos desde R$ 24.234,00, pagando 398,85 ao mês, e créditos maiores no valor de R$ 130.990,00, pagando R$ 2.074,01 ao mês. Entre esses dois valores temos vários créditos intermediários, o ideal é estudar o assunto e definir a parcela que melhor se encaixe no orçamento familiar.

Razão: Na troca de usados por veículos 0K, qual a tabela de avalição?
Cleber: Atualmente a tabela FIPE nos da boa referência para as avaliações, contudo, nossa região tem como característica ter veículos com baixa quilometragem e ótimo estado de conservação, influenciando muito nas avaliações. Em nossas negociações procuramos nos diferenciar, sendo flexíveis, fazendo avaliações justas e em tempo hábil, para todos os tipos de veículos e principalmente fazendo um algo a mais para fecharmos negócio nos carros diferenciados. De forma geral, a maioria das lojas avaliam os usados em torno de 10% abaixo da tabela FIPE.

Razão: Há muita diferença entre a taxa de juros para automóveis novos e usados?
Cleber: Em regra os veículos mais antigos tem proporcionalmente taxas mais altas. Os veículos de 2014 a 2017 seguem praticamente a mesma tabela, com taxas melhores. Os veículos 0km com auxílio dos bancos das montadoras, no nosso caso o Banco FIAT, disponibilizam em alguns casos taxas especiais subsidiadas, ou seja, mais baixas do que o mercado. No entanto, atualmente é a avaliação de risco do cliente que determina a taxa de juros, ou seja, o CPF do cliente, dependendo do seu histórico e o risco da operação, pode, além de liberar o crédito na hora, conseguir taxas excelentes devido ao seu perfil.

Razão: Que mensagem você deixa para os nossos leitores?
Cleber: A mensagem que gostaria de deixar registrado nesse momento é de agradecimento: Obrigado a minha família pelo apoio, aos queridos sócios pela nossa união, aos nossos colaboradores pela competência e dedicação de cada dia de trabalho. Obrigado a FIAT DO BRASIL pela parceria, obrigado aos nossos clientes e amigos pela confiança, obrigado aos nossos sucessores pela certeza de um futuro. E obrigado ao Grupo Treviso pelo espírito Empreendedor.