15202912083430.png
Capa

EDIÇÃO IMPRESSA


POLÍCIA

Motoqueiro é detido após perseguição pelas ruas de Canelinha

O acusado deve ser indiciado por direção perigosa, desacato, desobediência e resistência

O acusado deve ser indiciado por direção perigosa, desacato, desobediência e resistência

A GuPM 5886 estava cumprindo OPO, na tarde desta terça-feira (06), em Canelinha, quando o masculino condutor da motocicleta HONDA/CG 150 FAN ESI já conhecido no meio policial, passou pela viatura PM, afrontando os policiais acelerando de forma desproporcional a moto, que estava com o escapamento alterado e fazendo gestos ofensivos com uma das mãos. Ato contínuo, a GuPM saiu a fim de abordá-lo para averiguação, porém o mesmo empreendeu fuga percorrendo por várias ruas da cidade em alta velocidade de forma imprudente e negligente, colocando a vida de terceiros em risco.

Após determinado tempo de acompanhamento, usando os meios convencionais de sinais sonoros e luminosos, o condutor perdeu o controle da motocicleta vindo a cair no meio da pista de rolamento da SC 410, defronte a Empresa Mengue. Com a moto jogada ao chão o condutor rapidamente se levantou e deu continuidade na fuga a pé.

O policial militar, com a espingarda cal 12, municiada e alimentada com munição menos letal - elastomero, saiu correndo no encalço do mesmo e a todo momento dando voz de parada. Segundo relatório da polícia, em dado momento o masculino parou e começou a proferir diversos xingamentos de baixo calão, tais como "policiais filhos da puta! Pés de porco! policias vermes!", entre outros. Dizia o elemento que não iria obedecer a nenhum comando de abordagem e em seguida, dando passos à frente e de forma brusca, o mesmo colocou uma das mãos por dentro da camisa na linha da cintura dando a entender que iria sacar uma arma, momento em que foi efetuado um disparo atingindo região abdominal do autor. Em seguida, com o auxílio do outro policial militar, no uso progressivo da força, foi realizada a imobilização cessando qualquer tipo de resistência, sendo dado voz de prisão para lavratura do procedimento cabível.

O policial militar sofreu lesões leves na mão direita no instante em que estava trabalhando, juntamente com o outro policial para a imobilização e algemamento do motoqueiro. A motocicleta foi removida ao pátio conveniado do município.





ULTIMAS NOTÍCIAS

jr.png

| | insta |

Quem somos | Mapa do site | Webmail | Painel de controle

Copyright © 2017 Jornal Razão - Tijucas SC
Todos os direitos reservados.


Whatsapp
(48) 8453-0809


EDIÇÃO IMPRESSA

Sexta, 15 de dezembro

Capa