Narbal, Chris e Pedro

A Regra de Três retrata a família Mueller Andriani e suas descobertas pelo mundo. Uma família formada na estrada há cerca de 15 anos, que juntos já percorreram mais de 70 países em 4 continentes a pé, de bicicleta e de carro. Enfim, uma família de 3, que juntos, respeitando suas diferenças e as do mundo, tentam com simplicidade chegar a um denominador comum.

Seria o Homem um ser nômade por natureza?

O porque o homem tornou-se um ser nomade

Seria o Homem um ser nômade por natureza?

Desde o início da existência do ser humano na grande Nave Gaia, o homem sempre esteve na busca por lugares novos, conscientemente sempre esteve atrás do desconhecido. No começo, corria as pradarias em busca de caça. Depois dos primeiros assentamentos humanos, migrava com os rebanhos, buscando novas pastagens, ou condições climáticas mais favoráveis a sua subsistência. O fato é que de uma maneira ou de outra o desconhecidos sempre nos atraiu, sempre mexeu com nosso imaginário nos fazendo seguir adiante. E essa busca pelo incerto, motivou desde sempre as grandes expedições, as grandes buscas, e conseqüentemente as grandes descobertas. Tanto é verdade é que se fosse por esses homens intrépidos, talvez nossa grande e linda América, seria totalmente diferente. E nossa família não poderia fazer diferente, fazer jus a estes grandes homens, que de alguma maneira mudaram e ainda mudam toda a história da humanidade. Juntos já pedalamos, caminhamos e dirigimos por mais de 150.000 kms, quatro continentes, em mais de 70 países percorridos. E prestes a completar quase 30 anos de história sobre as estradas, por mais incrível que possa parecer, não temos intenção de parar, de nos assentar definitivamente em um único lugar. O porquê disso tudo, o que nos move, ainda e felizmente, não temos a resposta definitiva para essa e outras perguntas. Talvez essa mesma vontade de conhecer novos lugares, novas culturas, viver a margem de um sistema dito "normal", foi o que fez Jesse e seu cão Shurastay, pegar um carro simples, com parcos recursos e conforto, a ficar 5 anos conhecendo e descobrindo nosso lindo, maravilhoso e rico continente. Certo ou errado? Não cabe a nós e nem a ninguém julgar. Basta tentar entender, admirar e agradecer a estas pessoas, a estes desbravadores do mundo moderno.  Descobrimos através destes anos todos, que talvez a melhor resposta a tantos questionamentos, seja o compartilhamento de informações, de cultura, para que talvez assim através do respeito podemos nos entender um pouco melhor e finalmente perceber que estamos todos no mesmo barco, um lindo, grande e diverso barco chamada Terra. Abraços da Família Mueller Andriani

Pessoal a partir do aguardado lançamento do novo portal do Jornal Razão estaremos de volta com nossos programas sobre nosso lindo projeto de redescobrimento do Brasil. Muita coisa boa vindo por aí, e inclusive um novo projeto, por mais incrível que possa parecer. Afinal depois de tantos anos juntos na estrada, formando nossa família na estrada será que alguém ainda duvida de que nosso prazer, nosso lazer e nosso trabalho, felizmente estão todos juntos e misturados? Beijos do Pedro, da Chris e do Narbal.

PUBLICIDADE

mg


PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

gislaine devitte