15202912083430.png
POLÍCIA

Caso Amanda: polícia prende suspeitos de matar e esconder o corpo

Amanda Albach, de 23 anos, a jovem que desapareceu após passar o feriado de Proclamação da República com três moradores de Canoas, teria sido assassinada pelo trio. Ela foi vista pela última vez em uma balada em Jurerê Internacional, em Florianópolis. 

'Deram um depoimento mentiroso', diz delegado sobre suspeitos de matar Amanda Albach

Os dois homens e uma mulher foram presos na manhã desta quinta-feira (2) no bairro Niterói, em Canoas. Eles são acusados de matar e esconder o corpo da jovem.

Eles foram presos durante uma ofensiva feita em conjunto entre a Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de Canoas e a Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Laguna, em Santa Catarina.

Os investigadores apuraram que o trio, morador de Canoas, passou o Feriado de Proclamação da República com a jovem - que ainda não teve o nome divulgado - na cidade de Imbituba, em SC. Depois do crime, eles retornaram para o Rio Grande do Sul.

Contra eles, segundo o delegado Bruno Pereira Fernandes da DIC Laguna, há três mandados de prisão temporária expedidos pela Justiça.

Além disso, o delegado afirma que a suspeita da polícia é que a jovem esteja morta, pelo tempo em que ela está desaparecida.

AVISO: Espaço livre! Para comentários realizados através de terceiros, o jornal se baseia na Lei 2.126/2011 (Marco Civíl da Internet) e dá garantia a liberdade de expressão, comunicação e manifestação de pensamento, nos termos da Constituição. O jornal não se responsabiliza por comentários de terceiros

Continue lendo






ULTIMAS NOTÍCIAS

16121836959090.png
Capa
EDIÇÃO IMPRESSA
Ler agora!
jr.png

| | insta

Quem somos | Mapa do site | Webmail | Painel de controle

Copyright © 2017 Jornal Razão - Tijucas SC
Todos os direitos reservados.


Whatsapp
(48) 8453-0809


EDIÇÃO IMPRESSA

Sexta, 01 de setembro

Capa