BOMBINHAS - Confusão na Câmara de Vereadores quase termina em violência

“Sem vergonha eu sei que tu és”: vereadora ofendeu colegas após o término da Sessão da Câmara

BOMBINHAS - Confusão na Câmara de Vereadores quase termina em violência Reprodução / Câmara de Bombinhas

“Sem vergonha eu sei que tu és”: vereadora ofendeu colegas após o término da Sessão da Câmara

Participe do grupo e receba as principais notícias
da região em tempo real.

Continua depois da publicidade

Vereadores de Bombinhas vivenciaram um lamentável momento de desrespeito aos pares.

Ao final da última sessão da câmara, nesta segunda-feira, a vereadora Isabela Camile aproveitou o término da sessão para proferir ofensas aos parlamentares.

Sem saber que ainda estava sendo transmitida a sessão, mesmo já tendo encerrado, Isabele se dirigiu ao vereador André.

“Sem vergonha eu sei que tu és”, disse Isabele. O restante das falas não estão compreensíveis no vídeo.


Segundo testemunhas, desde antes do final da sessão o marido de Isabele estaria chamando os vereadores de covardes, corruptos e bandidos. Com a discussão acalorada, ele chamou os parlamentares para “ver se eram homens” lá fora.

De acordo com o relato, o marido da vereadora colocava a mão por cima da calça:

“Ele dizia que é homem e honra o saco que tem”, relata o vereador.

Essa não teria sido a primeira vez que o marido da vereadora íntima os parlamentares para vias de fato.

Dentes

A confusão iniciou por conta de uma obra no bairro Canto Grande, justamente após uma dentada humana ser encontrada na escavação.

A vereadora protocolou denúncia no IPHAN e foi até a Polícia Federal afirmando que haveriam ossos humanos naquele local. Ela ainda acusou o prefeito Paulinho de ter ciência dos fatos e, mesmo assim, ter autorizado a obra.

Todavia, o IPHAN se limitou a fazer recomendações, pois tudo estava legalizado na obra.

Os vereadores ameaçados e ofendidos registraram boletins de ocorrência na Polícia Civil.

“Se a discussão ficar no campo das ideias, da defesa daquela que cada um acha certo, tudo bem, mas ela sempre parte para o pessoal, ofende as pessoas, e ele não consegue se aguentar e vai na mesma onda dela”, desabafou um parlamentar.

Siga-nos no Google News

CLIQUE PARA CONTINUAR A LEITURA