Com alta superior a 20%, cebola lidera ranking de inflação, seguido por passagens aéreas

O terceiro maior avanço dos preços veio do gás veicular, que subiu 14,88%.

Com alta superior a 20%, cebola lidera ranking  de inflação, seguido por passagens aéreas Freepik

O terceiro maior avanço dos preços veio do gás veicular, que subiu 14,88%.

Participe do grupo e receba as principais notícias
da região em tempo real.

PUBLICIDADE ALLIANCE

A cebola foi o produto mais atingido com a alta da inflação no último mês, que teve um aumento de 0,47%, segundo o que mediu o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), O valor da cebola subiu em 21,36%. 

Conforme o IBGE, o avanço da cebola em maio está associado a uma oferta menor do alimento com o fim da safra na região Sul, principalmente em Santa Catarina. 

"Teve restrição de oferta. Houve fim da safra no Sul e mudança da produção para outras regiões",  afirma Pedro Kislanov, gerente do IPCA.

PUBLICIDADE

uvel

TV Razão

Maickon Sgrott - Presidente da Câmara de Tijucas  no Conversa Franca
Conversa Franca

Maickon Sgrott - Presidente da Câmara de Tijucas no Conversa Franca

Assista

As passagens aéreas registraram a segunda maior alta de preços em maio. O avanço chegou a 18,33%. De acordo com Kislanov, a carestia do combustível de aviação ajuda a explicar a inflação das passagens.

Além disso, a derrubada de restrições a atividades estimulou o setor de turismo após restrições na pandemia. Com a demanda mais aquecida por viagens, os valores das passagens foram pressionados para cima.

O terceiro maior avanço dos preços veio do gás veicular, que subiu 14,88%.

Maiores altas, em %

  1. Cebola - 21,36%
  2. Passagens aéreas - 18,33%
  3. Gás veicular - 14,88%
  4. Banana-da-terra - 14,27%
  5. Manga - 13,62%
  6. Morango - 13,24%
  7. Alimento infantil - 8,72%
  8. Pepino - 8,02%
  9. Flores naturais - 7,88%
  10. Feijão carioca - 7,31%

Cenoura e tomate foram os legumes com maiores baixas A cenoura teve queda de 24,07%  - maior baixa da pesquisa, conforme o IPCA. Apesar da trégua este mês, a cenoura ainda acumula disparada de 116,37% em 12 meses. É a maior alta nessa base de comparação.

As duas retrações vêm após disparada dos preços nos primeiros meses de 2022, o que elevou a base de comparação.

Fonte: NSC Total 

A cebola foi o produto mais atingido com a alta da inflação no último mês, que teve um aumento de 0,47%, segundo o que mediu o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), O valor da cebola subiu em 21,36%. 

Conforme o IBGE, o avanço da cebola em maio está associado a uma oferta menor do alimento com o fim da safra na região Sul, principalmente em Santa Catarina. 

TV Razão

Maickon Sgrott - Presidente da Câmara de Tijucas  no Conversa Franca
Conversa Franca

Maickon Sgrott - Presidente da Câmara de Tijucas no Conversa Franca

Assista

"Teve restrição de oferta. Houve fim da safra no Sul e mudança da produção para outras regiões",  afirma Pedro Kislanov, gerente do IPCA.

As passagens aéreas registraram a segunda maior alta de preços em maio. O avanço chegou a 18,33%. De acordo com Kislanov, a carestia do combustível de aviação ajuda a explicar a inflação das passagens.

Além disso, a derrubada de restrições a atividades estimulou o setor de turismo após restrições na pandemia. Com a demanda mais aquecida por viagens, os valores das passagens foram pressionados para cima.

O terceiro maior avanço dos preços veio do gás veicular, que subiu 14,88%.

Maiores altas, em %

  1. Cebola - 21,36%
  2. Passagens aéreas - 18,33%
  3. Gás veicular - 14,88%
  4. Banana-da-terra - 14,27%
  5. Manga - 13,62%
  6. Morango - 13,24%
  7. Alimento infantil - 8,72%
  8. Pepino - 8,02%
  9. Flores naturais - 7,88%
  10. Feijão carioca - 7,31%

Cenoura e tomate foram os legumes com maiores baixas A cenoura teve queda de 24,07%  - maior baixa da pesquisa, conforme o IPCA. Apesar da trégua este mês, a cenoura ainda acumula disparada de 116,37% em 12 meses. É a maior alta nessa base de comparação.

As duas retrações vêm após disparada dos preços nos primeiros meses de 2022, o que elevou a base de comparação.

Fonte: NSC Total 

Siga-nos no Google News

CLIQUE PARA CONTINUAR A LEITURA

Trevisul 02
Trevisul 02

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

inova