Mãe cobrava para filha de 6 anos ser estuprada, no Rio de Janeiro

Depois do estupro, a criança recebia R$ 2.

Mãe cobrava para filha de 6 anos ser estuprada, no Rio de Janeiro Imagem Ilustrativa

Depois do estupro, a criança recebia R$ 2.

Participe do grupo e receba as principais notícias
da região em tempo real.

PUBLICIDADE Mais Net 01

Uma mulher de 32 anos e um homem de 65 foram presos na terça-feira (21) em Nova Friburgo, na Região Serrana do Rio de Janeiro, por estupro de vulnerável contra uma menina de 6 anos.

Segundo a polícia, a criança é filha da mulher presa. Ainda, de acordo com a polícia, a mãe já não tinha a guarda da criança e aproveitava dias de visita da filha para levá-la à casa do vizinho, onde o homem abusava sexualmente da vítima em troca de dinheiro. Depois do estupro, a criança recebia R$ 2.

A guarda da criança é da avó. O caso foi descoberto quando a menina contou para a avó, que foi à Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher (Deam) de Nova Friburgo denunciar o caso em abril deste ano.

PUBLICIDADE

Sicredi 03

TV Razão

Conversa Franca com Gean Loureiro
Conversa Franca

Prefeito de Tijucas participa do Conversa Franca

Assista agora!

Após a conclusão das investigações, a mãe e o vizinho acusado de abuso foram indiciados e a Justiça determinou as prisões, que foram cumpridas no bairro de Olaria. Os dois foram encaminhados para um presídio.

Fonte: Visor Notícias



Uma mulher de 32 anos e um homem de 65 foram presos na terça-feira (21) em Nova Friburgo, na Região Serrana do Rio de Janeiro, por estupro de vulnerável contra uma menina de 6 anos.

Segundo a polícia, a criança é filha da mulher presa. Ainda, de acordo com a polícia, a mãe já não tinha a guarda da criança e aproveitava dias de visita da filha para levá-la à casa do vizinho, onde o homem abusava sexualmente da vítima em troca de dinheiro. Depois do estupro, a criança recebia R$ 2.

TV Razão

Prefeito de Tijucas participa do Conversa Franca
Conversa Franca

Em pauta, saúde de Tijucas, destino do Hospital São José, obras na cidade e os bastidores da Administração Municipal. Assista!

Assista agora!

A guarda da criança é da avó. O caso foi descoberto quando a menina contou para a avó, que foi à Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher (Deam) de Nova Friburgo denunciar o caso em abril deste ano.

Após a conclusão das investigações, a mãe e o vizinho acusado de abuso foram indiciados e a Justiça determinou as prisões, que foram cumpridas no bairro de Olaria. Os dois foram encaminhados para um presídio.

Fonte: Visor Notícias



Siga-nos no Google News

CLIQUE PARA CONTINUAR A LEITURA

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Drone tj