Cãozinho morde carteira de cigarro e sofre fratura de homem furioso

O canalha foi preso por maus-tratos aos animais

Cãozinho morde carteira de cigarro e sofre fratura de homem furioso Polícia Civil

O canalha foi preso por maus-tratos aos animais

Participe do grupo e receba as principais notícias
da região em tempo real.

PUBLICIDADE Posto

Um homem foi preso após espancar um cãozinho furiosamente, na última sexta-feira (10) no município de Apiúna, o animal estava muito assustado e mancando devido a agressão.  O homem alegou a populares que presenciaram a agressão, que o animal teria mordido sua carteira de cigarro e foi o suficiente para o motivo da surra.

A Polícia Civil levou o cãozinho até uma clínica veterinária, e foi constatado fratura em uma das patas, cicatrizes, parasitas, desidratação e frequência respiratória e cardíaca elevada, já que o animal continuava muito assustado e gritando. 

O agressor canalha foi levado para a Unidade Prisional Avançada de Indaial, onde vai cumprir pena máxima de cinco anos de reclusão pelo crime.

PUBLICIDADE

topsul

TV Razão

Maickon Sgrott - Presidente da Câmara de Tijucas  no Conversa Franca
Conversa Franca

Maickon Sgrott - Presidente da Câmara de Tijucas no Conversa Franca

Assista

Um homem foi preso após espancar um cãozinho furiosamente, na última sexta-feira (10) no município de Apiúna, o animal estava muito assustado e mancando devido a agressão.  O homem alegou a populares que presenciaram a agressão, que o animal teria mordido sua carteira de cigarro e foi o suficiente para o motivo da surra.

A Polícia Civil levou o cãozinho até uma clínica veterinária, e foi constatado fratura em uma das patas, cicatrizes, parasitas, desidratação e frequência respiratória e cardíaca elevada, já que o animal continuava muito assustado e gritando. 

TV Razão

Maickon Sgrott - Presidente da Câmara de Tijucas  no Conversa Franca
Conversa Franca

Maickon Sgrott - Presidente da Câmara de Tijucas no Conversa Franca

Assista

O agressor canalha foi levado para a Unidade Prisional Avançada de Indaial, onde vai cumprir pena máxima de cinco anos de reclusão pelo crime.

Siga-nos no Google News

CLIQUE PARA CONTINUAR A LEITURA

Sicredi 01
Sicredi 01

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

inova