Defesa Civil emite alerta para mau tempo na Grande Florianópolis

Durante as próximas horas, a Grande Florianópolis e o Litoral Sul podem registrar temporais isolados.

Defesa Civil emite alerta para mau tempo na Grande Florianópolis ND+

Durante as próximas horas, a Grande Florianópolis e o Litoral Sul podem registrar temporais isolados.

Participe do grupo e receba as principais notícias
da região em tempo real.

Continua depois da publicidade

O município de Santo Amaro da Imperatriz, localizado na Grande Florianópolis, registrou chuva de granizo na manhã desta terça-feira (21), próximo às 10h. Já em Florianópolis, fortes trovoadas podem ser escutadas pelos moradores da Ilha, devido às más condições do tempo.

A situação foi alertada pela Defesa Civil. Durante as próximas três horas, a Grande Florianópolis e o Litoral Sul podem registrar temporais isolados.


O órgão informou ainda que a passagem de instabilidades atmosféricas por Santa Catarina aliadas a uma frente fria oceânica e ao fluxo de umidade vindos da região amazônica é a responsável por fornecer condições para as chuvas.

O sistema teve início às 7h15 desta terça, e deve permanecer em atividade até às 18h de quarta-feira (22).

A condição pode ser pontualmente intensa, passando dos 50 milímetros em alguns municípios. Entre o Planalto e o Litoral Sul, o fenômeno pode ocorrer em forma de temporais isolados. Os riscos para rajadas de vento, quedas de granizo e descargas elétricas são altos.


Intensas rajadas de vento

A formação de vários sistemas de baixa pressão sobre o Sul do Brasil favorece a intensificação do vento em Santa Catarina nesta terça-feira, especialmente entre o Extremo-Oeste e o Litoral Sul.

O vento deve ter velocidade média de 20 km/h a 30 km/h, com rajadas que podem superar os 70 km/h nas áreas em amarelo do mapa ao lado. A Defesa Civil alerta que o risco é moderado para ocorrências como quedas de árvore, destelhamentos e danos na rede elétrica.


Inverno inicia nesta terça-feira (21)

A estação mais fria do ano começou nesta terça-feira (21). Segundo a Epagri/Ciram, duas a três ondas de frio devem acometer Santa Catarina, levando os termômetros marcarem temperaturas negativas e influenciando a formação de geada.

O inverno promete ainda ser marcado por chuvas irregulares e períodos de frio intenso alternados com momentos de seca e calor.

Fonte: ND+


Siga-nos no Google News

CLIQUE PARA CONTINUAR A LEITURA