Menina de 3 anos precisou ter reto reconstruído após estupros em SC

O irmão de 26 anos foi o autor do crime

Menina de 3 anos precisou ter reto reconstruído após estupros em SC Divulgação

O irmão de 26 anos foi o autor do crime

Participe do grupo e receba as principais notícias
da região em tempo real.

PUBLICIDADE Komprão


A Polícia Civil cumpriu um mandado de prisão nesta última segunda-feira (20) contra um homem de 26 anos acusado de abusar da própria irmã no bairro Guarany na cidade de Xaxim no Oeste Catarinense.


PUBLICIDADE

Drone tj

TV Razão

Conversa Franca com Gean Loureiro
Conversa Franca

Prefeito de Tijucas participa do Conversa Franca

Assista agora!

O pedido de prisão foi expedido através da Vara Única da Comarca de São Domingos, o masculino foi detido por estupro de vulnerável qualificado pela lesão corporal grave, contra a própria irmã de apenas três anos de idade. E sendo condenado a uma pena de 19 anos, e nove meses com 26 dias em regime fechado.


Relato do crime


A Polícia Civil do Estado de Santa Catarina, por meio da Delegacia de Polícia do Município de Entre Rios, entre 2014 e 2015, investigou o estupro de uma criança de três anos. Devido ao abuso sexual sofrido, na espécie sexo anal, a menina precisou ser submetida à reconstrução do reto, além de ter contraído doença venérea e ter sofrido uma infecção generalizada intestinal.


A Polícia Civil Catarinense conseguiu identificar que o autor do crime foi o irmão da criança, que aproveitava da saída de sua mãe para praticar relação sexual com a menina.


A Polícia Civil cumpriu um mandado de prisão nesta última segunda-feira (20) contra um homem de 26 anos acusado de abusar da própria irmã no bairro Guarany na cidade de Xaxim no Oeste Catarinense.

TV Razão

Prefeito de Tijucas participa do Conversa Franca
Conversa Franca

Em pauta, saúde de Tijucas, destino do Hospital São José, obras na cidade e os bastidores da Administração Municipal. Assista!

Assista agora!


O pedido de prisão foi expedido através da Vara Única da Comarca de São Domingos, o masculino foi detido por estupro de vulnerável qualificado pela lesão corporal grave, contra a própria irmã de apenas três anos de idade. E sendo condenado a uma pena de 19 anos, e nove meses com 26 dias em regime fechado.


Relato do crime


A Polícia Civil do Estado de Santa Catarina, por meio da Delegacia de Polícia do Município de Entre Rios, entre 2014 e 2015, investigou o estupro de uma criança de três anos. Devido ao abuso sexual sofrido, na espécie sexo anal, a menina precisou ser submetida à reconstrução do reto, além de ter contraído doença venérea e ter sofrido uma infecção generalizada intestinal.


A Polícia Civil Catarinense conseguiu identificar que o autor do crime foi o irmão da criança, que aproveitava da saída de sua mãe para praticar relação sexual com a menina.

Siga-nos no Google News

CLIQUE PARA CONTINUAR A LEITURA

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

topsul