TIJUCAS - Identificada mulher que morreu após capotamento

Em meio às fortes chuvas e ventania provocadas pelo ciclone, mais uma vez Tijucas registra fatalidade

TIJUCAS - Identificada mulher que morreu após capotamento Reprodução / Arquivo Pessoal

Em meio às fortes chuvas e ventania provocadas pelo ciclone, mais uma vez Tijucas registra fatalidade

Participe do grupo e receba as principais notícias
da região em tempo real.

Continua depois da publicidade
KLINS

No último ciclone que atingiu Tijucas, o município contabilizou enormes prejuízos e um rastro de destruição que ficará para sempre na memória dos tijuquenses. Além disso, três trabalhadores perderam a vida.

Infelizmente, no ciclone que passa neste momento por Santa Catarina, Tijucas também registra uma morte. Uma mãe, trabalhadora, que deixa seis filhos.

Cristiane Lima é a vítima fatal do capotamento ocorrido na entrada de Tijucas nesta quarta-feira (10). Segundo informações preliminares apuradas pelo JR, inicialmente havia sido noticiado que a vítima tratava-se de uma idosa. Todavia, Cristiane tinha cerca de 40 anos. 

Familiares e amigos já foram comunicados sobre o óbito. Os detalhes de velório e sepultamento ainda não foram revelados. 

Apesar de não ser ligada diretamente ao ciclone, as consequências do mesmo possivelmente dificultaram o resgate e facilitaram que a vítima viesse a óbito.

Isso porque os serviços de socorro demoraram a chegar ao local, pois estavam concentrados em atender, sem grande efetivo, inúmeras ocorrências em toda a região.

Siga-nos no Google News

CLIQUE PARA CONTINUAR A LEITURA

KLINS
KLINS

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

posto da praça 300x600