Jovem catarinense morre após namorado fugir da PM e capotar; VEJA VÍDEO

Condutor sem habilitação foi preso com drogas após fugir da polícia; ele responderá por homicídio culposo

Jovem catarinense morre após namorado fugir da PM e capotar; VEJA VÍDEO

Reprodução/ Rádio Difusora

No WhatsApp do JR tem notícia toda hora! Clique aqui para acessar.

Uma mulher de 23 anos, identificada como Gabrieli Soares, foi a vítima fatal de um grave acidente na noite da última sexta-feira (14), na Avenida Padre Antônio, no centro de Maravilha. O condutor do veículo, um homem de 25 anos, foi preso. Ambos residiam em Chapecó.

A Polícia Militar informou que a ocorrência teve início na Avenida Maravilha, próximo à Praça dos Motoristas, quando uma guarnição suspeitou do comportamento do condutor de um Honda/FIT, com placas de Chapecó/SC. Ao notar a presença da viatura, o motorista mudou de direção abruptamente. Os policiais ordenaram que ele estacionasse o veículo, o que foi acatado inicialmente. Porém, ao desembarcarem para a abordagem, o condutor acelerou bruscamente e fugiu em alta velocidade pela Avenida Padre Antônio.

A guarnição tentou acompanhar o veículo, mas ele conseguiu distanciar-se, atravessando lombadas e rotatórias de maneira imprudente, o que provocou o acidente. 

Durante as buscas, os policiais encontraram o carro capotado. Gabrieli Soares estava caída na pista, recebendo os primeiros socorros de um médico que passava pelo local, enquanto o condutor ainda se encontrava dentro do veículo.

Com o apoio de mais duas guarnições, o local foi isolado e o Corpo de Bombeiros foi acionado para prestar auxílio. Nesse período, o condutor conseguiu sair pela janela do carro e tentou fugir a pé, desobedecendo as ordens dos policiais. Ele foi detido e preso, sendo levado ao hospital com lesões leves. 

No veículo e nas proximidades foram encontradas várias porções de maconha, que foram recolhidas pela perícia (IGP).

A polícia constatou que o condutor não possuía carteira de habilitação e cumpria pena em regime aberto. Ele também tinha histórico de envolvimento em tráfico de drogas, lesão corporal e descumprimento de medida protetiva de urgência.

Após receber atendimento médico, foi levado à Delegacia de Polícia, onde foi autuado por homicídio doloso e tráfico de drogas, além das infrações de trânsito.

O acidente ocorreu em um trecho com forte declividade, o que fez o veículo capotar várias vezes, ficando totalmente destruído.


Com informações de Rádio Difusora